CACAUICULTURA

Mais um prêmio: Rondônia tem o terceiro melhor cacau do Brasil

Produtor de Buritis apoiado pelo Sebrae ficou em 3º lugar no III Concurso Nacional de Qualidade do Cacau

O ano de 2021 tem sido bastante especial para Rondônia. Desta vez, o Estado acaba de levar a terceira colocação nacional no III Concurso Nacional de Qualidade do Cacau, ocorrido esta semana (22) em Ilhéus, na Bahia, a região mais emblemática da lavoura cacaueira no país.

O produtor rural Mauro Celso Tauffer, de Buritis (RO), foi o único produtor rondoniense classificado para esta etapa final (o Estado tinha mais de uma dezena de produtores concorrendo). Com muita apreensão, mas já feliz por ter sido classificado, Mauro comemorou na noite desta segunda-feira seu cacau ser o terceiro melhor do país na categoria varietal.

A ida de Mauro à final, bem como a inscrição de seus colegas rondonienses, faz parte de uma grande estratégia desenvolvida pelo Sebrae em Rondônia e seus parceiros no projeto Cacau Sustentável, que tem como objetivo capacitar os produtores com gestão da propriedade rural (afinal, a propriedade é uma empresa rural) e dotar os participantes de ferramentas de inovação e tecnologia para que ganhem em produtividade e sejam mais competitivos.

Além disso, está no radar no Sebrae a Indicação Geográfica do cacau de Rondônia, agregando valor ao produto, concedendo-lhe uma chancela única de qualidade, com  objetivo de ganho de mercado.

“Nossa atuação setorial tem sido bastante estratégica, uma vez que estamos promovendo o desenvolvimento na piscicultura, com o tambaqui, na cafeicultura, com o café e a IG Matas de Rondônia, e estamos também atuando fortemente no cacau, apoiando a cadeia produtiva e dotando nossos produtores de ferramentas para serem cada vez mais competitivos”, disse Samuel Almeida, diretor técnico do Sebrae em Rondônia.

Para o produtor, a experiência foi marcante. “Quero agradecer de coração ao Sebrae, que nos ajudou a estar aqui. É muita satisfação representar Rondônia e Buritis. Recomendo aos produtores capricharem na amêndoa. Hoje fui eu, na próxima pode ser qualquer um de nós”, comemorou Mauro Tauffer.

Projeto Cacau Sustentável de Rondônia

A inciativa prevê ações de inovação e tecnologia, inteligência de mercado e sustentabilidade. Estão sendo desenvolvidas ações que visem aumentar a produtividade dos produtores e a qualidade do produto, focando em melhores resultados financeiros e num melhor posicionamento da produção de cacau de Rondônia em nível nacional.

O projeto Cacau Sustentável de Rondônia tem como parceiros entidades do quilate de Seagri, Senar, Emater, Mapa, Idaron, Câmara Setorial do Cacau, Ceplac, Sescoop, IFRO e Embrapa, todos unidos em prol da cacauicultura.

Para Daniel Pereira, diretor superintendente do Sebrae em Rondônia, é mais uma articulação exitosa: “Mais um resultado expressivo para Rondônia, fruto de uma união institucional que impacta positivamente na ponta, junto aos pequenos produtores rurais, contribuindo com o desenvolvimento econômico de nosso Estado”.

Saiba mais sobre as ações do Sebrae, acesse o site www.sebrae.ro ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800. Você também pode acessar o Sebrae pelo WhatsApp pelo mesmo número. Siga o Sebrae em Rondônia nas redes sociais: Instagram, Facebook, Twitter, LinkedIn e YouTube (@sebraero).